O que é esse espaço?


Bem-vinde ao blog.


Sim, essa palavra que parece tão nostálgica está entrando de volta na minha rotina aos poucos, e espero que com o tempo, roube um cantinho no espaço de legendas curtas, interações superficiais e vídeos de 15 segundos.


Se formos voltar no tempo para explicar meu carinho por um espaço assim, saltamos lá para 2013.

Na verdade posso estar mentindo, confesso que não lembro em que ano comecei a postar tutoriais de miçanga e arame num blog anônimo, a criar uma comunidade amiga no meio de tanta timidez durante a escola e a sentir a confiança que deu o primeiro passo para postar desenhos na Internet.

Foi num blog que esboços e fotos do sketchbook viraram públicos. A partir daí, surgiu Papoulas Douradas. Que virou página do Facebook, perfil no Instagram, loja on-line e empresa.

E agora Papoulas Douradas, ou melhor, eu Paola, quero voltar para onde tudo começou - onde encontrei conforto - e quero criar um espaço seguro e gostoso, em que posso compartilhar minhas ideias com você, de um jeito mais tranquilo e menos caótico.


Essa vontade já existia faz um tempo em mim, mas o estopim foi uma série de fatores:

- Um ilustrador que admiro começou uma newsletter. Me inscrevi despretensiosamente e me surpreendi com as palavras e a intimidade que o texto longo conseguiu transmitir.

- Descobri uma ilustradora por um vlog, gostei muito do conteúdo e fui fuçar as redes sociais. Me deparei com um blog e newsletters ilustradas! Fiquei encantada.

- Voltei a ler. Quem me acompanha já deve saber, mas comecei um desafio de leitura - inicialmente 30 livros em 1 ano - e tenho postado os livros pelo meu perfil pessoal e uns estudos de lettering pelo perfil profissional, usando a hashtag #letteringpapoulasdouradas. Ouvir palavras e ler palavras parecem coisas completamente diferentes.

- Com as leituras, comecei a assistir bastante youtubers de livros. A paixão deles pela leitura me deixa muito animada!

- Além disso tudo, voltei a estudar francês. Estudar uma língua me fez apaixonar pelas palavras novamente, mesmo que não seja a língua que eu sei escrever (por enquanto).

Essa série de fatores fez um clique no meu cérebro, e pensei, por que não?


E cá estou, teclando no meu studio enquanto petisco umas uvas. Uvas são ótimos petiscos né?

Ah, e para os curiosos, os ilustradores que comentei lá em cima são Vinícius Xavier (@vienno_) e Magali Franov (@magalifranov), respectivamente. Sugiro que você vá dar uma olhada!


Hoje a ideia é contar um pouco sobre o que quero fazer por aqui.

Não quero nada rígido e que me cobre, então esse espaço vai surgir devagar.

Os planos iniciais (como uma boa pisciana com lua em virgem tem) são compartilhar cartinhas mensais, como se fossem newsletters mesmo, sobre o meu mês. Talvez alguns devaneios e reflexões uma semana ou outra.

Mais pra frente, quem sabe?


Vamos ver no que isso se transforma.